Grupo de Teatro de Indaiatuba participa da Mostra Final do Projeto Ademar Guerra

Evento acontece de 27 a 29 deste mês, na cidade de Votuporanga e integra programa da área
imagem_release_1100632

O Grupo de Teatro Anankê foi selecionado para representar Indaiatuba na Mostra Final 2017 do Projeto Ademar Guerra, que acontece de 27 a 29 de outubro, na cidade de Votuporanga (SP). O evento integra o Programa de Qualificação em Artes e, desde agosto, avalia e orienta companhias de teatro em seletivas classificatórias. A peça escolhida para ser apresentada na Mostra é Borandá.

A iniciativa contemplou nesta edição 32 grupos artísticos do interior paulista. Durante os encontros, realizados entre os participantes do programa e os curadores Sérgio Ferrara, Douglas Novais e André de Araújo, cada grupo participante foi avaliado sobre seus processos de criação e orientado sobre a condução do trabalho de produção de uma peça. O programa permitiu que qualificadores de diversos segmentos, como direção e voz e canto, auxiliassem os atores no aperfeiçoamento técnico e artístico, que é o foco da iniciativa.

Na Mostra Final 2017, ao longo dos três dias, novamente os grupos receberão direcionamento dos especialistas e serão avaliados durante a apresentação de um espetáculo. O Grupo de Teatro Anankê encenará Borandá. “Escolhemos esse tipo de peça por ter as características de ator narrador e teatro do absurdo. Tivemos aprendizados maravilhosos para o grupo e a expectativa para a Mostra Final é uma experiência ainda mais produtiva”, conta a atriz e integrante do Anankê, Marli Lopes.

Escrito pelo dramaturgo e roteirista Luís Alberto de Abreu, Borandá reúne diferentes visões sobre o processo migratório, partindo da saga de três personagens: Tião Cirilo, Galatéa e Maria Déia. Ao longo da história são abordados diversos temas, como a adaptação do migrante rural a cidade, a busca incessante dos heróis populares que saem de sua terra de origem, para lutar por direitos que lhes foram tomados e a exclusão sofrida pelas mulheres, tanto antes quanto depois da migração. Com direção de Marli Lopes e orientação de Iraci Santos, do Projeto Ademar Guerra, a apresentação conta com os atores Ana Paula Oliveira, Gisele Campos, Marli Lopes, Chicó Ferreira, Leonardo Kayan, Flávio Cardoso e Gabriel Kitzman.

O Programa de Qualificação em Artes tem como objetivo proporcionar orientação artística a grupos, companhias e coletivos de teatro e de dança do interior, litoral e região metropolitana de São Paulo. Uma das iniciativas do programa é o Projeto Ademar Guerra, idealizado em 1997 pela Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo, que tem a missão de fortalecer o cenário cultural paulista por meio da valorização da produção artística local.

Categorias
ClickNews

Fotógrafo Email: luisturati@clickindaia.com.br Growpub.com.br

Relacionado